GUIA DO OUTRO MUNDO

Inframundo by - Edgar Clement

Inframundo by – Edgar Clement

E então comprei este livro num sebo, destes aí, que você garimpa e dentro dele garimpa ainda mais, procurando aquele livro que tá lá (sempre esta certeza), te esperando.

Guia dell´Altro Mondo, de Ornella Volta. Tenho comigo uma simpática tradução da Hemus, sem data de edição e somente com a anotação de 1973 para o copyright.  Pesquisei sobre a autora na rede e me retornou uma senhora de rosto simpático, autora de uma biografia de Erik Satie, entre outras obras.

Tá, o Guia do Outro Mundo. Recomendo.

Idéia fantástica a da senhora Volta: oferecer aos desespiritualizados um guia seguro para o pós-vida, descrevendo aos diversos paraísos e infernos de diversas religiões, propiciando ao futuro morto novel a escolha de um que melhor se adapte a suas preferências, a sua índole.

E que viagens maravilhosas me proporcionou Ornella. Paraísos e infernos cristão, judaico, islâmico, fino-úgrico, celta, romano, grego. Mas não só a descrição pura e simples, mas mesmo os preceitos para o bom acolhimento ou os cuidados para os evitar.

Sim, a senhora Volta nos previne quanto às exigências burocráticas para a entrada e a permanência. Nos alerta para os perigos, nos acautela contra as  armadilhas-de-turistas. Nos diz como e o porquê.

Minha ignorância nunca se mostrou em toda sua glória, senão quando tive acesso a esta simpática brochura.

Ora, saberia eu, de outra maneira, por que chora Moisés no sexto céu do supramundo muçulmano? E sobre a jumenta branca Borak, alimento sempre redivivo dos bem-aventurados? Saberia que me pode ser acessível ter a elevada estatura de Adão, a beleza de José e o coração de Abraão, bastando para tanto escolher com cuidado a minha futura fé?

E romanos e gregos? Pensava neles como tendo um céu chinfrim e me enganei.

E os egípcios? Soberbos construtores de paraísos e infernos. Os hindus então, nem se fala. Nem mesmo os chineses foram esquecidos.

Assim também os celtas, os fino-úgricos. O céu Acadiano, por exemplo,  é uma maravilha de empreendimento burocrático, com suas deusas contadoras, seus porteiros demoníacos com cabeça de leão, seus crocodilos sem dentes. Enfim, seus amanuenses sobrenaturais.

Vale a pena a leitura, mais, o deleite que somente este pequeno guia metafísico dos diversos mundos do pós-vida pode proporcionar.

Recomendo a todos, a vocês, os puros de coração, uma procura imediata nos sebos disponíveis.  Anotem: Guia do Outro Mundo, de Ornella Volta, editora Hemus.

Não é por ser inevitável que vamos descurar do nosso futuro.

Um pós-túmulo escolhido com critério, é um pós-túmulo feliz.

Aí tendes: o último guia de turismo que usareis

Aí tendes: o último guia de turismo que usareis

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s