DOM CAVALO

Surreal photo-manipulation 8 - by Michel Cheval

Não é um cavalo.

Era um cavalo honesto, trabalhador e sério. Ia muito ao cinema e gostava de azarar eguinhas moçoilas nas “soirées” de sábado. Era um cavalo politizado, pertencia aos quadros do partido comunista desde mocinho e fazia discursos inflamados aos colegas de trabalho na hora do almoço, as vezes cuspindo pedaços de farelo para todo lado. Trabalhava na Antárctica como supervisor de burros carreteiros. Um dia, pois sempre há um dia, teve uma crise que poderíamos chamar de filosófico-espiritual e renegou o partido, seu ateísmo e entrou para o seminário. Eis que hoje pondera, junge, admoesta, aconselha. Nunca imaginou-se que subisse tanto, mas subiu e hoje o temos aí, um príncipe da igreja. Hoje ainda, eu que antes lhe estreitava os cascos num caloroso cumprimento de amigos, hoje beijo seu anel cardinalício e o chamo, respeitosamente, de Dom Cavalo. Não sei por que conto a historinha. Mas era um cavalo.

Anúncios

6 comentários em “DOM CAVALO

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s